10/11/09

CHAMARIZ

Serinus serinus- (Macho)

Pequena ave com cerca de 11-12 cm, pertencente ao grupo dos fringílideos, desde o século XIX se tem vindo a expandir para norte, distribuindo-se hoje até à Escandinávea, parte da Rússia e Bielorrússia.
A fêmea constrói o ninho em forma de taça, em árvore ou arbusto, normalmente na orla de bosques pouco densos.
Faz 1-2 posturas de 4 ovos, entre Abril-Maio, que a fêmea incuba durante 13 dias. Os progenitores não limpam os excrementos das crias, que ao acumularem-se na borda do ninho evidencia um sinal que rápidamente os identifica.
Grande parte dos casais que nidificam em Portugal permanecem e são residentes o ano inteiro.
Gostam de subir ao topo de uma árvore ou poleiro e exibir o seu canto, ecoando um trinado muito limpido e agradável.

Nikon; Nikkor 500 mm.
Local: Vouzela.

4 comentários:

João MaC Santos disse...

Excelente Blog e fotografias de Natureza.
Convido-o a visitar e a inscrever-se na noa Comunidade de Fotografia de natureza - FANATURE - Fotógrafos Amadores de Natureza em
http://fotografosamadoresdenatureza.ning.com/

Marco Ferreira disse...

Excelente amigo Armindo... Aqui no norte tambem há quem lhe chame de Serezina

.Lis disse...

Armindo
Sabe aquela beleza que arrebata? ...esses passarinhos,os pores do sol, gaivotas todas as aves, rios, cachoeiras, mato verde, ceus,flores, até os insetos .Tudo arrebata.Aqui.
Te vejo amanhã.
Abraços

P.S. roubei uma flor.

aa disse...

Linda esta pequena ave...! Excelente foto!
Bom fim de semana Armindo!
Beijos,
AA