17/07/12

FLORES DA MINHA MÃE

Tradescantia zebrina- Erva da fortuna.
 
     Originária da América do Sul, nomeadamente do Sudoeste Brasileiro,embora muito bonita e frágil, as flores só duram um dia, são consideradas invasoras, devido à facilidade de se propagarem através de pequenos cotovelos que têm nos caules. que enraízam facilmente.
  A sequência da sua florescência  encontra-se garantida pelo aparecimento diário de novas flores.

Nikon, Nikkor 105 mm, Micro.
Local: Proença-a-Nova.

4 comentários:

lis disse...

É bonita Armindo , e nem sempre muito querida nos jardins porque embora seu caule cresça na vertical,gosta mesmo é de deitar e espalhar suas folhas,(que é o grande destaque) ,bonitas, com listras prateadas e arroxeadas.
Sendo assim,'rouba' das 'florinhas' miúdas, toda beleza.
Vejo sempre forrando canteiros,e só se destaca pela graciosidade da mistura do rosa com o lilás.
Sendo da 'mamãe' ganha um valor afetivo muito precioso.
E por isso a fotografou, assim lindamente.
abraços, uma boa tarde.

Paulo Vasco Pereira disse...

Gostava tb de saber fotografar como o senhor!
Abraço.

Isa disse...

Beaucoup de plaisir à me promener sur votre blog !! bravo pour ces magnifiques photos !

teca disse...

Invasoras ou não, as Zebrina pendula como eu as conheço, são lindinhas, porque forram o chão delicadamente nos sombreados que dificilmente a grama vinga... bela captura, Armindo querido.

Beijos de amizade.